Alma Gêmea
.
Alma gêmea de minha alma
Flor de luz de minha vida
Sublime estrela caída
Das belezas da amplidão .
Quando eu errava no mundo
Triste e só, no meu caminho ,
Chegaste, devagarinho ,
E encheste-me o coração.
Vinhas na benção das flores
Da divina claridade ,
Tecer-me a felicidade
Em sorrisos de esplendor !
És meu tesouro infinito .
Juro-te eterna aliança
Porque sou tua esperança ,
Como és todo meu amor !
Alma gêmea de minha alma
Se eu te perder algum dia...
Serei tua escura agonia ,
Da saudade nos seus véus...
Se um dia me abandonares
Luz terna dos meus amores,
Hei de esperar-te , entre as flores
Da claridade dos céus .
Emmanuel
Do livro "Há 2000 anos", cap. IV
Psicografia: Chico Xavier (Site Oficial)| Edição: FEB

Clique aqui e leia o capítulo IV do livro "Há 2 Mil Anos", onde está grafado o formoso poema "Alma Gêmea", homenagem de Emmanuel à sua amada esposa Lívia!

 

Créditos:
Midi Voice Field of Love (Offenbach):. Richard Abel
Summer Rose cortesia de: Papillons Designs by Noelle
Imagem: "Amoureux de Normandie" Claude Théberge
Formatação exclusiva by LoriM.S. Instituto André Luiz
Realização: Instituto André Luiz